sexta-feira, novembro 29, 2013

66 ANOS DEPOIS DA RESOLUÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS PARA A CRIAÇÃO DO ESTADO DE ISRAEL, A ONU PASSA MAIS 6 RESOLUÇÕES CONDENANDO ISRAEL...

A imbecil ambiguidade da ONU não tem limites. Na mesma semana em que se comemoram os 66 anos da histórica votação a favor da criação do moderno estado de Israel - 29 de Novembro de 1947, quando eram exactamente 12H40 em Nova Iorque - a ONU só nesta passada segunda-feira aprovou 6 leis que visam - mais uma vez - a condenação de Israel!
Nada de novo para Israel, habituado a estes desmandos da ONU, que há exactamente um ano atrás aprovou a elevação do estatuto da chamada "Palestina" para o de "estado não membro observador."
Uma das pérfidas resoluções pasadas nesta passada segunda-feira "obriga" Israel a "devolver" os Montes Golan à Síria. Outra das resoluções diz que Israel deve deixar de impôr a sua jurisdição sobre Jerusalém, a sua eterna capital! 
VOTAÇÃO A FAVOR DA CRIAÇÃO DE ISRAEL
Uma outra resolução, declara 2014 como o "Ano Internacional de Solidariedade para com o povo palestiniano."
Outra resolução  apelida Israel de "poder ocupante", apelando a que Israel deixe os "territórios ocupados".
Ridícula e nojenta esta ONU. Em vez de se preocupar com questões sérias, como a guerra na Síria, a crise nuclear no Irão, a matança diária de cristãos às mãos dos muçulmanos, a questão curda, o aumento de 50% no orçamento da Rússia para armas nucleares nos próximos 3 anos, a corrida ao armamento por parte da China e da Rússia, etc. etc., esta actualmente famigerada e desacreditada organização precisa de arranjar um "bode expiatório" para as suas injustiças e seus contundentes disparates, pelo que Israel é sempre a vítima escolhida para tal. 
Nada a que Israel não esteja habituado...

2 comentários:

Anónimo disse...

Tenho verdadeiro nojo desta pseudo-organização.A ONU nada mais é do que um embuste dos mais sórdidos,mas tudo isso que ocorre nada mais são do que o cumprimento da vontade do único e Verdadeiro D'us seus planos não podem ser frustados.

Devemos nos lembrar que Ele está reunindo as nações para juízo e justiça.

Ai, delas.


Fabiana

Bruno disse...

Israel é sempre prejudicada na ONU, mas aconteceu um fato 'engraçado' por esses dias na ONU, não sei se ficou sabendo mas dá uma olhada http://noticiasdesiao.wordpress.com/2013/11/21/o-melhor-dia-para-israel-na-onu/